Governo da Austrália afirma que esfaqueamento em igreja foi “ataque terrorista”

  • 16/04/2024
Governo da Austrália afirma que esfaqueamento em igreja foi “ataque terrorista”
Governo da Austrália afirma que esfaqueamento em igreja foi “ataque terrorista” (Foto: Reprodução)

O governo local afirmou que o esfaqueamento em uma igreja ortodoxa oriental na Austrália, foi um ataque terrorista.

Nesta terça-feira (16), o estado de Nova Gales do Sul, onde ocorreu o incidente, declarou que o ataque com faca contra o bispo Mar Mari Emmanuel e outros fieis foi um ato com motivações ideológicas terroristas.

O chefe da Inteligência australiana, Mike Burgess, confirmou a classificação. “Para chamá-lo de ato terrorista são necessárias indicações de informações ou evidências que sugiram que na verdade a motivação foi religiosa ou ideologicamente motivada. Neste caso, a informação que temos, indica fortemente que é esse o caso”, explicou Mike.

O ataque

Na segunda-feira (15), pouco depois das 19h no horário local, um homem vestido com roupas escuras se aproximou do bispo Emmanuel e o atacou, na Igreja Cristo Bom Pastor, no subúrbio de Wakeley, um bairro onde mora uma comunidade cristã assíria.

A polícia local afirmou que o criminoso também esfaqueou outros fieis, mas nenhuma das vítimas sofreu ferimentos graves.

Agressor é um adoelscente de 16 anos

Em uma reunião com líderes religiosos da região, o primeiro-ministro de Nova Gales do Sul, Chris Minns, informou que o agressor é um adolescente de 16 anos, que já havia sido detido por posse de facas na escola e em uma estação de trem.

“Parte da razão pela qual o comissário da polícia fez uma investigação de designação de terrorismo foi por causa do histórico da pessoa de interesse”, declarou.

Em um vídeo, publicado na web, do momento após o ataque, quando o agressor é detido por policiais dentro da igreja, o adolescente é visto falando em árabe.

“Se ele [o bispo] não se envolvesse na minha religião, se não tivesse falado do meu profeta, eu não teria vindo aqui… se ele apenas falasse da sua própria religião, eu não teria vindo”, afirmou o criminoso, no vídeo.

Segundo o The Guardian, o bispo Emmanuel é famoso nas redes sociais e já criticou o Islã em sermões públicos.

Agora, com o ataque sendo classificado como terrorista, os investigadores antiterroristas – composto pela Polícia Federal e a Inteligência da Austrália – poderão investigar o caso com poderes extraordinários e realizar buscas para evitar novos ataques.

O primeiro-ministro da Austrália, Anthony Albanese, condenou o ataque à igreja assíria ortodoxa.

“Este é um incidente perturbador. Não há lugar para violência em nossa comunidade. Não há lugar para o extremismo violento. Somos uma nação amante da paz. Este é um momento para unir, não dividir, como comunidade e como país”, afirmou Albanese em coletiva de imprensa nesta terça-feira (16).

FONTE: http://guiame.com.br/gospel/noticias/governo-da-australia-afirma-que-esfaqueamento-em-igreja-foi-ataque-terrorista.html


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Top 5

top1
1. Raridade

Anderson Freire

top2
2. Advogado Fiel

Bruna Karla

top3
3. Casa do pai

Aline Barros

top4
4. Acalma o meu coração

Anderson Freire

top5
5. Ressuscita-me

Aline Barros

Anunciantes